Composição do fio de cabelo

O fio de cabelo é composto basicamente por Carbono, Hidrogênio, Nitrogênio, Oxigênio e Enxofre que unidos, formam uma proteína chamada queratina que representa 85% da composição do cabelo, completado por 12% de água e 3% de lipídios.

Composição Química:

– Carbono – 45%;

– Hidrogênio – 7%;

– Oxigênio – 28%;

– Nitrogênio – 15%;

– Enxofre – 5%.


O fio de cabelo se divide em três partes:

Cutícula

É a parte externa do fio, formada por escamas sobrepostas que formam uma proteção para o fio. A cutícula é resistente às ações externas (físicas e químicas) que o cabelo sofre. Quando em contato com químicas fortes ela perde sua força natural, deixando o fio fragilizado. É sensível à ação de produtos alcalinos como tinturas, descolorações, permanentes e alisamentos.

Córtex 

É a segunda e principal camada de fio de cabelo. Ela concentra altos níveis de hidrogênio e oxigênio que são responsáveis pela hidratação interna do fio. Nela encontra-se também alta concentração de queratina, que define a elasticidade e resistência dos cabelos.

Medula

É a camada central que dá sustentação à estrutura do fio. É uma camada de células provenientes do córtex e que já não contém água em seu interior.

A aparência estética do fio de cabelo

A aparência estética dos cabelos fica por conta da região mais externa, chamada de região cuticular, ou seja, um cabelo bem tratado deixa as cutículas do cabelo mais unidas, tornando-o mais bonito e vistoso, sendo responsável por estes cuidados os xampus, condicionadores e demais tratamentos de higienização e hidratação dos fios.

Os fios de cabelos variam de espessuras, tendo os mais escuros com uma espessura mais grossa, como são os casos dos cabelos orientais, e os mais claros tendem a apresentar uma espessura mais fina, como os povos anglo-saxônicos.

Como é a coloração natural dos fios de cabelo?


A responsável pela coloração natural dos fios de cabelos é a melanina, sendo a eumelanina responsável pela coloração escura e a feomelanina responsável pela coloração avermelhada. A presença ou ausência desses pigmentos ou a sua mistura, são responsáveis pela grande gama de colorações existentes, salvo nos casos de indivíduos albinos que possuem o cabelo amarelado em função de não apresentar nenhum tipo de melanina.

Já os cabelos brancos surgem pela queda natural na produção de melanina em nosso organismo. Estima-se que pelo menos 50% da população com mais de 50 anos apresente fios brancos no couro cabeludo.

Entretanto, não há uma faixa etária específica que determine o seu início, podendo ser causado também por fatores genéticos ou patológicos tal como se observa em pessoas na faixa etária de 20 a 30 anos de idade que apresentam precocemente muitos fios brancos. Outro fator que, mesmo não comprovado cientificamente, mas indica a incidência de cabelos brancos, é a ação do estresse sobre os seres humanos.

Gostou desse artigo? Inscreva-se no blog e continue nos acompanhando!

Receba novidades dos seus temas favoritos

Se aprofunde mais no assunto!
Conheça os cursos na área da Biologia.

Mais artigos sobre o tema