Conceito de saúde coletiva

O conceito de saúde coletiva é o efeito das interações socioeconômicas de uma sociedade com o ambiente e o quanto isso pode influir a salubridade de uma região ou comunidade.

Ao contrário das demais áreas de saúde que tendem a possuir um caráter de tratamento, a saúde coletiva tem como objetivo principal prevenir o desenvolvimento ou a disseminação de patologias e demais problemas de saúde por meio da implantação de perfis sanitários condizentes com a cultura e a necessidade de uma região.
Saúde bucal

A implantação de políticas que minimizem doenças bucais já é conhecida em todo Brasil. Nas escolas públicas a utilização regular de flúor e demais produtos que combatam ou evitem a formação de problemas bucais e dentários, é uma função da saúde coletiva. Palestras que orientem pais e crianças sobre como evitar alimentos que provoquem cáries e a melhor forma de escovar os dentes, são outras ferramentas que possuem um aspecto mais social do que combativo, esse é o grande diferencial da saúde coletiva.
Sexualidade e métodos contraceptivos

Um importante papel da saúde coletiva é na área de sexualidade, todos os anos o Sistema Único de Saúde (SUS) gasta milhões de reais com medicamentos para os portadores das mais diversas DST’s. A saúde coletiva trabalha em ações de conscientização que incentivam a utilização de preservativos e os distribuem de forma gratuita, essa prática minimiza a disseminação de diversas doenças até mesmo nas comunidades mais carentes.
Outro ponto importante relacionado à saúde coletiva é o estímulo à utilização de métodos contraceptivos por comunidades mais carentes. O governo investe milhões todos os anos com o assistencialismo para famílias mais carentes e mesmo assim, muitas crianças vão dormir com fome por todo o Brasil, o planejamento familiar é a forma mais sensata de combater esses altos índices de natalidade e consequentemente dar a chance de as famílias conseguirem sair dessa linha de miséria.
Práticas sanitárias mais saudáveis

Existem diversas práticas sanitárias básicas que são preteridas, em especial em comunidades mais carentes, os profissionais da saúde coletiva têm como meta estimular essas pessoas a adotarem práticas sanitárias adequadas, minimizando assim problemas causados pela insalubridade no manuseio de alimentos, água e resíduos gerados. A conscientização é a melhor forma de minimizar os índices de problemas de saúde relacionados a interações socioambientais inadequadas.

Quer saber mais sobre o assunto? Confira os cursos de Formação Profissional em Saúde Coletiva e Saúde da Família, e utilize o certificado dos cursos para complementar suas atividades acadêmicas.

 

Receba novidades dos seus temas favoritos

Se aprofunde mais no assunto!
Conheça os cursos na área da Saúde.

Mais artigos sobre o tema