Quais são as paredes do coração?

Cada camada possui uma diferente função, que primariamente auxilia na ação de bomba do coração, que permite que o sangue flua ao longo do corpo. Esse artigo apresenta uma breve visão geral de cada camada do coração, bem como casos clínicos.

Quais são as paredes do coração?

O coração é formado principalmente pelo músculo cardíaco, ancorado a um esqueleto fibroso. A parede do coração é constituída por três camadas:

• Epicárdio ou pericárdio visceral: é uma membrana serosa muito fina, que adere a superfície externa do órgão. Ele envolve todo o coração e as raízes dos grandes vasos. Ele possui uma camada interna e uma externa, que são contínuas, e criam um espaço conhecido como saco pericárdico.

• Miocárdio: é a camada mais espessa do coração constituída pelo músculo cardíaco. auxilia na contração e no relaxamento das paredes do coração, de forma que o sangue possa passar entre as câmaras, bem como na condução da eletroestimulação, através de seus próprios tecidos e do epicárdio.

• Endocárdio: reveste internamente o miocárdio, sendo composto por um tecido conjuntivo com uma camada superficial de células pavimentosas. Dobras do endocárdio formam as válvulas que separam os átrios dos ventrículos e os ventrículos da aorta e do tronco pulmonar.

Portanto, o endocárdio é a camada mais interna do coração. Ele forma a camada interna de todas as quatro câmaras cardíacas, e está diretamente ligado a todos os apêndices cardíacos internos, como a valva bicúspide, a valva tricúspide, a valva semilunar, a valva aórtica, as cordas tendíneas e os músculos papilares.

Sua composição primária consiste de células endoteliais e acredita-se que ela controle a si mesma e o miocárdio, através da distribuição de potenciais de ação pelas fibras de purkinje no interior do músculo cardíaco.

Qual a espessura?

A espessura do miocárdio varia de uma câmara para outra e essa variação está relacionada à resistência encontrada no bombeamento do sangue pelas diferentes câmaras. Quando a musculatura dos átrios encontra pouca resistência para impelir o sangue para os ventrículos, suas paredes são as partes mais finas do miocárdio.

Os ventrículos devem impelir o sangue através dos vasos sanguíneos que se dirigem aos pulmões e ao restante do corpo, possuindo dessa forma, um miocárdio mais espesso que dos átrios.

O ventrículo esquerdo é responsável pelo envio de sangue para todas as estruturas do corpo, por esse motivo apresenta um miocárdio mais espesso que o ventrículo direito, que é responsável pelo envio do sangue através dos vasos sanguíneos para os pulmões.

A superfície interna do miocárdio dos ventrículos é irregular, apresentando dobras e pontes denominadas trabéculas cárneas, e projeções musculares em forma de cone, denominadas músculos papilares.

Há também as cordas tendíneas, que são cordões fibrosos resistentes, que se dirigem dos músculos papilares para as bordas livres das cúspides das válvulas atrioventriculares.

Ficou interessado e quer saber mais sobre o assunto? Confira os cursos de Enfermagem em CardiologiaEnfermagem em Cardiologia e Eletrocardiograma e Reanimação Cardiorrespiratória e Cerebral.

Receba novidades dos seus temas favoritos

Se aprofunde mais no assunto!
Conheça os cursos na área da Saúde.

Mais artigos sobre o tema