A importância do lúdico na aprendizagem

A infância é formada por brincadeiras, atividades, experiências e interações sociais.  A junção de todas essas vivências torna a experiência infantil saudável e enriquecedora. Por esse motivo, a presença  do lúdico é extremamente importante no ensino.

Lúdico é a forma de desenvolver a criatividade, os conhecimentos, através de jogos, música e dança. O intuito é educar, ensinar, se divertindo e interagindo com os outros.

O lúdico está em suas diversas modalidades, como brinquedos, brincadeiras, jogos acompanhando nossa trajetória de vida, do nascimento à terceira idade, contribuindo para a nossa saúde física e mental de forma integrada.

Os jogos e suas brincadeiras trazem em geral benefícios, conhecimento e diversão para todas as idades, além de oportunizar o aperfeiçoamento de nossas qualidades e a superação de nossas dificuldades.
Qual é objetivo da atividade lúdica?

O lúdico contribui no desenvolvimento da criança e auxilia na aprendizagem, no desenvolvimento social, cultural e pessoal, assim proporciona a socialização e a aquisição do conhecimento.

A atividade lúdica tem o objetivo de produzir prazer e diversão. Quem pratica esta atividade percebe que ela vem acompanhada de inúmeras brincadeiras para enriquecer nossos conhecimentos de forma prazerosa na educação. Nos jogos e brincadeiras as crianças desenvolvem a coordenação, a atenção, a imitação introduz-se às regras, imaginação e memória. Por isso, a importância de nós professores trabalharmos o lúdico, com as crianças no ensino da matemática.
Quem brinca sabe que a alegria se encontra precisamente no desafio e na dificuldade letras, palavras, números, formas, bichos, plantas, objetos, comidas, músicas, todos são desafios que fazem as crianças refletirem sob contagem, seriação, tempo, quantidade, tamanho, velocidade, entre outros…

A importância para a pedagogia

O lúdico é um recurso metodológico de suma importância para auxiliar a aprendizagem das crianças da educação infantil.

Os jogos ensinam os conteúdos através de regras, pois possibilita a exploração do ambiente a sua volta, os jogos proporcionam aprendizagem maneira prazerosa e significativa assim agrega conhecimentos.

Nós, professores, temos que transformar a matéria em brinquedo e seduzir o aluno a brincar. Depois de seduzi-lo, não há quem o segura.
A maior evidência que temos sobre a dificuldade de levar o lúdico para a sala de aula está relacionada ao fato que durante muito tempo coube aos alunos a tarefa de ficar sentados em suas carteiras, obedientes, silenciosos e passivos, pois era a máxima para uma aprendizagem melhor “Primeiro o dever, depois o prazer”.
Reconhecer o lúdico é reconhecer a linguagem dos nossos tempos, é abrir portas e janelas para novas formas de aprendizagem e descobertas de conhecimento.

Os jogos e brincadeiras tenham sucesso na sua aplicação é necessária a mediação do professor que precisa planejar suas atividades com objetivos pré-estabelecidos a serem alcançados.

Ao utilizar jogos e brincadeiras o professor introduz o lúdico no ensino aprendizagem para o aluno da educação infantil, isto contribui para conhecimento da criança.

Gostou do conteúdo e ficou interessado em saber mais? Siga acompanhando nosso portal e fique por dentro de todas nossas publicações. Aproveite também para conhecer nossos cursos e ampliar seus conhecimentos.

Receba novidades dos seus temas favoritos

Se aprofunde no assunto!
Conheça os cursos na área da Educação.

Mais artigos sobre o tema

Educação

O saque no volei

O Voleibol, também conhecido como Vôlei, é um dos esportes coletivos mais difundidos e praticados no Brasil. Faz parte da grade curricular da Educação Física

ler artigo »