Lista de bebidas que não podem faltar no seu bar

Quando estamos montando a casa nova, um espaço indispensável na nossa sala é o bar. E para ajudar você neste momento especial, montamos uma lista de bebidas que não podem faltar nele.

Confira abaixo a lista que preparamos para você!

Whisky

É uma bebida alcoólica destilada de grãos, incluindo malte, que foi envelhecida em barris. Sua graduação alcoólica possui o teor de 38 a 54% de álcool etílico em volume a uma temperatura de 20 °C, segundo a Legislação Brasileira.


Rum: claro e escuro

É uma bebida alcoólica obtida a partir da fermentação do melaço e outros derivados da produção de açúcar, além do caldo de cana fermentado, com posterior destilação. É uma bebida secular, de características refinadas e aroma suave, possui teores entre 40 a 55 GL.


Vodka

A vodca ou vodka é uma popular bebida destilada, incolor, quase sem sabor e com um teor alcoólico entre 35 e 60º, de origem de cereais, como milho e outros grãos.

Quando for comprar alguma bebida, principalmente vodca, verifique sua procedência e os ingredientes colocados, pois, muitas das vezes, as bebidas são falsificadas ou são apenas coquetéis de vodca (60% de vodca, 40% de produtos inferiores, como álcool e água), fazendo o produto ficar bem abaixo do valor de mercado.


Conhaque

O conhaque, também chamado de brandy, é o produto decorrente da destilação de vinho, geralmente contendo cerca de 40–60% de graduação alcoólica por volume. O nome em português é derivado da palavra francesa cognac, um tipo de conhaque com indicação de procedência da região homônima da França.


Campari, Vermouth, Licores e Tequila

Campari: é a marca uma bebida alcoólica servida como aperitivo obtida pela infusão de 60 ingredientes, combinados e macerados num malte de água destilada e álcool.

Vermouth: Vermute ou vermouth é o nome de uma bebida à base de vinho que tem como erva principal a losna ou absinto (absinthium).

Licores: É uma bebida alcoólica doce, geralmente misturada com frutas, ervas, temperos, flores, sementes, raízes, cascas de árvores ou ainda cremes. O termo vem do latim liquifacere, liquefazer, dissolver. Isso se refere às misturas que se empregam na fabricação da bebida

Tequila: É uma bebida alcoólica destilada, originária do México, feita através da destilação e fermentação do sumo de uma planta da América Central, chamada Agave Tequilana.


Cachaça

Cachaça ou pinga é o nome dado à aguardente de cana, uma bebida alcoólica tipicamente brasileira.


Gim

Gim ou gin é uma bebida destilada à base de cereais e zimbro. É considerada uma bebida muito forte, com teor alcoólico superior ao uísque. Teve origem nos Países Baixos, no século XVII.


Carta de Vinhos

É genericamente uma bebida alcoólica produzida por fermentação do sumo de uva. Na União Europeia, o vinho é legalmente definido como o produto obtido exclusivamente por fermentação parcial ou total de uvas frescas, inteiras ou esmagadas ou de mostos.

No Brasil é considerado vinho a bebida obtida pela fermentação alcoólica de mosto de uva sã, fresca e madura, sendo proibida a aplicação do termo a produtos obtidos a partir de outras matérias-primas.


Saquê

É uma bebida fermentada, tradicional do Japão, fabricada pela fermentação do arroz; tomada geralmente quente e em grandes comemorações, como Ano-Novo e cerimônias xintoístas de casamento.


Sucos

Sucos de frutas são muito importantes no seu bar. Além de substituir a poupa da fruta nos drinks, eles são mais fáceis de preparar e também é possível achar suco de frutas que estão fora da época.


Energéticos, Refrigerantes e Club Soda

Schweppes Club Soda Lata – Schweppes sabor soda. Schweppes é uma linha Premium de bebidas, desenvolvida na Inglaterra em 1783 por Jacob Schweppes, um cientista amador que descobriu um método de produzir água carbonatada em escala comercial.

Sua primeira fábrica teve lugar em Londres em 1792, produzindo a Schweppes Soda, elaborada com água gaseificada, bicabornato de sódio e cloreto de sódio. Bebida não alcoólica.


Bebida energética ou energético

É uma bebida não alcóolica que estimula o metabolismo e tem como finalidade fornecer ao consumidor energia por meio da ingestão de taurina. Geralmente vem em uma embalagem de alumínio diferente do padrão de refrigerante. Deve-se beber o energético gelado e todos contém gás carbônico, como os refrigerantes.

Os Club sodas, em geral, são caros, pois são quase sem açúcar e gás carbônico. Uma boa opção de troca são aquelas águas gaseificadas flavourizadas. Elas imitam bem o sabor da Club soda, sendo viável no seu orçamento.

Gostou do artigo? Inscreva-se no nosso blog e continue nos acompanhando.

Receba novidades dos seus temas favoritos

Se aprofunde mais no assunto!
Conheça os cursos na área de Comércio e Indústria.

Mais artigos sobre o tema

A Origem do Queijo
Comércio e Indústria

A Origem do Queijo

O queijo existe há pelo menos seis mil anos e sua origem é uma incógnita. Conta à lenda que o primeiro queijo teria sido obtido

ler artigo »
Risco físico no ambiente de trabalho
Comércio e Indústria

Risco físico no ambiente de trabalho

São riscos ambientais que se apresentam em forma de energia como os ruídos, temperaturas extremas, vibrações, radiações ionizantes, radiações não ionizantes, frio, calor, pressões anormais

ler artigo »