Amplitude articular do punho e mão

As articulações possibilitam que os movimentos possam acontecer trazendo flexibilidade e o movimento completo para o punho e a mão. No artigo de hoje vamos falar sobre a amplitude articular do punho e mão. Continue conosco.

Entendendo a articulação da mão

A mão é um órgão extremamente complexo e importante. A cirurgia da mão é uma subespecialidade da ortopedia e da cirurgia plástica que prepara o médico para o tratamento de diversas patologias da mão e do punho. 

A Mão e o Pulso

Os ossos da mão e do pulso fornecem ao corpo suporte e flexibilidade para manipular objetos. Cada mão contém 27 ossos distintos que dão à ela um alcance incrível e total precisão de movimento.

A ulna e o rádio do antebraço suportam os muitos músculos que manipulam os ossos da mão e do pulso. A rotação do rádio ao redor da ulna resulta na supinação e pronação da mão. Estes ossos também formam a flexível articulação do punho com a fileira proximal dos carpos.

Entendendo o Carpo

Há oito pequenos ossos do carpo no pulso, que estão firmemente ligados em duas fileiras de quatro ossos cada. A massa que resulta desses ossos é chamada de carpo.

O carpo é arredondado em sua extremidade proximal, onde se articula com a ulna e o rádio no pulso. O carpo é ligeiramente côncavo no lado palmar, formando um canal conhecido como o túnel do carpo através do qual, tendões, ligamentos e nervos se estendem para a palma da mão. Sua superfície distal articula-se com os ossos metacarpianos, que são unidos ao carpo pelos ligamentos carpometacarpal palmar.

Flexão de punho

Os músculos responsáveis pelo movimento são o flexor radial do carpo, flexor ulnar do carpo e palmar longo. Ocorrem na articulação radiocárpica, no plano sagital, nas articulações radiocárpicas e intercárpicas. Neste teste, certificar-se de que os dedos estão relaxados; evitar os desvios: radial e ulnar do punho. Amplitude articular: 0°- 90°.

Extensão de punho

Ocorrem no plano sagital nas articulações radiocárpicas e intercápicas. Os músculos responsáveis pelo movimento são o extensor radial longo e curto do carpo e o extensor ulnar do carpo.

Neste teste, evitar a extensão dos dedos e o desvio radial e ulnar do punho. Amplitude articular: 0°- 70°.
Desvio radial do punho (abdução)
Os principais músculos responsáveis por este movimento são o flexor radial do carpo, o abdutor e o extensor longo polegar, o extensor radial longo do carpo, o extensor radial curto do carpo e o extensor curto do polegar.

Na posição anatômica, o movimento de desvio radial no punho ocorre no plano frontal. Neste teste, evitar a flexão e a extensão do punho e a supinação do antebraço. Amplitude articular: 0°- 20°
Desvio ulnar do punho (adução)

Os principais músculos responsáveis por este movimento são o flexor ulnar do carpo e o extensor ulnar do carpo. Na posição teste, o movimento ocorre no plano frontal. Evitar a flexão ou extensão do punho. Evitar a pronação ou a supinação do antebraço. Amplitude articular: 0°- 45°.

Gostou do artigo? Inscreva-se no nosso blog, conheça os cursos da área e continue nos acompanhando.

Receba novidades dos seus temas favoritos

Se aprofunde mais no assunto!
Conheça os cursos na área da Saúde.

Mais artigos sobre o tema