Gengiva descolando do dente: O que fazer?

A gengiva quando está neste estágio, ou seja, descolando do dente, indica estar em um processo de inflamação ou infecção das gengivas denominada de periodontite. Isso significa que o paciente apresenta um quadro de gengivite que não foi tratado.

A infecção na gengiva

Esta infecção ou inflamação começa a se “espalhar” para os ligamentos e o osso que dão suporte aos dentes. A avaria deste suporte faz com que os dentes comecem a se soltar e a cair. Esta é a principal causa de perda dos dentes em adultos. Não é um problema comum em crianças, mas aumenta as probabilidades no decorrer da adolescência.

Vão se acumulando na base dos dentes as placas bacterianas e o tártaro. A inflamação causa o desenvolvimento de um bolso entre as gengivas e os dentes, que é cheio por placas e tártaros. Esse inchaço retém a placa na bolsa, esta inflamação conclui com o extermínio dos tecidos e dos ossos que cercam o dente.

A presença de bactérias nas placas

As placas contêm bactérias, por isso é muito presumível que exista uma infecção, que pode desenvolver também um abscesso dentário, o que resulta em um aumento da taxa de destruição óssea. Por isso a recomendação mais correta é a procura imediata de um dentista especializado.

Quando o dentista realiza um exame mais detalhado (muitas vezes precisando fazer um Raio-X), irá encontrar gengivas inchadas e moles, com um aspecto vermelho-arroxeado. Os depósitos de cálculos e placas muitas vezes podem estar visíveis na base dos dentes com bolsas alargadas nas gengivas. Comumente, as gengivas não apresentam dor e são suavemente sensíveis, caso também tenha um abscesso dentário. Nestes casos, os dentes podem estar soltos e as gengivas retraídas.

Tratamento:

Essa gengiva inflamada que gerou uma infecção mais grave, que é a periodontite, como citada no começo, deve ser tratada com ajuda de um dentista que realizará com o auxílio de aparelhos odontológicos a limpeza dos dentes com muito cuidado. O tratamento tem como objetivo reduzir a inflamação e se houver os bolsos a sua eliminação, assim como tratar outras causas que estejam aparecendo.

Depois de uma raspagem realizada pelo dentista é necessária que a higiene oral caseira seja mais cautelosa, mas outras limpezas dentárias profissionais devem ser realizadas para poder impedir mais destruição causada pela infamação.

É importante pedir conselhos ao dentista sobre técnicas de escovação e o uso correto do fio dental. É recomendado que pacientes com periodontite realizam uma limpeza profissional mais de duas vezes ao ano.

Em casos mais graves pode ser necessária uma intervenção cirúrgica. Bolsas profundas nas gengivas podem precisar ser abertas e limpas. Os dentes soltos podem precisar de suporte.

Nestes casos, talvez, o dentista necessite remover um ou mais dentes para que a periodontite não se agrave se espalhando para outros dentes, podendo ampliar a infecção mais ainda.

Gostou do artigo? Inscreva-se no blog, conheça os nossos cursos e continue nos acompanhando.  

Receba novidades dos seus temas favoritos

Se aprofunde mais no assunto!
Conheça os cursos na área da Saúde.

Mais artigos sobre o tema