Primeiros socorros em casos de intoxicação

Os primeiros socorros para os casos de intoxicação são diversos, por existirem diversos tipos de intoxicação. O que essa ação tem em comum é o fato de ter de se agir rapidamente, levando para a ajuda especializada rapidamente e se possível levar o frasco ou embalagens para uma identificação mais rápida do produto que a pessoa ingeriu.

As intoxicações podem ser causadas por remédios, drogas, produtos químicos, alimentos, etc.

As intoxicações podem ocorrer de diversas formas, como a inalação quando uma pessoa respira algum resíduo, produto químico. Pode acontecer por ingestão, quando o indivíduo acaba ingerindo algo, por exemplo algum remédio, alimento ou drogas. O contato também pode ser uma forma de intoxicação, cada forma dessas causas determinadas reações no nosso corpo, abaixo é possível conferir alguns sintomas de cada tipo de intoxicação.

– Principais Sintomas de uma intoxicação

Inalação: respiração acelerada, tosse e olhos irritados.
Ingestão: mudança na cor dos lábios, dor, sono, confusão mental, diarreia, convulsões e cheiros estranhos no corpo ou na boca.
Contato: Manchas na pele, coceira, dor de cabeça e olhos irritados.

– Como agir em casos de intoxicação?

Intoxicação por contato: lavar o local com água corrente. Se a intoxicação atingiu os olhos, lave com água corrente por 15 minutos e cobri-los com pano limpo. Após limpar o local, levar imediatamente para atendimento médico.

Intoxicação por ingestão: tente descobrir a fonte da intoxicação (em caso de remédios e produtos químicos a bula pode ter instruções de como agir), não faça respiração boca a boca.

Provoque o vômito na vítima e encaminhe para atendimento médico. Em casos de ingestão de ácido, soda cáustica, desodorantes, produtos químicos e derivados do petróleo, não provoque o vômito. Nesses casos o vômito pode espalhar o veneno pelo sistema digestório.

Intoxicação por inalação: leve a vítima para um local arejado onde possa respirar ar puto e encaminhe para o atendimento médico.

Intoxicação alimentar:
 nesses casos é preciso deixar a pessoa vomitar e evacuar quantas vezes forem necessárias. 20 minutos após o vômito, faça a vítima beber água de coco ou alguma bebida isotônica, para evitar a desidratação. Se os sintomas não diminuírem em 24 horas, busque ajuda médica. Normalmente a intoxicação alimentar é curada em três dias e sem o auxílio de remédios.

Em caso de intoxicação alimentar onde envolve mais pessoas, é necessário avisar essas pessoas que tiveram contato com o alimento, caso de um festa por exemplo, facilitando assim o tratamento para as pessoas envolvidas.

Lembre-se sempre de ter cuidado como socorrista, evitando contato com o produto químico. Tente sempre levar a vítima para um local arejado e afrouxar as roupas. Não deixe a vítima sozinha, converse com ela e tente deixa-la calma, na hora do transporte, carregue-a em posição lateral para evitar a aspiração do vômito.

É importante salientar que uma ação rápida pode ajudar no socorro à vítima, sempre mantendo a calma e seguindo os procedimentos citados acima. O socorro via hospital é sempre necessário, para que um especialista avalie a situação e determine a necessidade de exames e remédios.

Receba novidades dos seus temas favoritos

Se aprofunde mais no assunto!
Conheça os cursos na área da Saúde.

Mais artigos sobre o tema