Quais as funções dos Neurônios?

O tecido nervoso está distribuído por todo nosso organismo e interligado, resultando no sistema nervoso. O sistema nervoso é o responsável pela formação de órgãos como o encéfalo e a medula espinhal, compondo o sistema nervoso central (SNC). Já o tecido localizado além do sistema nervoso central é chamado de sistema nervoso periférico (SNP), que é formado por aglomerados de neurônios, gânglios nervosos e nervos.  As funções do tecido nervoso são receber informações do meio ambiente por sentidos (visão, audição, olfato e tato) e do meio interno por meio de sinais vitais, por exemplo. O processamento dessas informações resulta em uma resposta do tecido nervoso como: contração muscular, sensação de dor.

Os neurônios são responsáveis pela transmissão da informação através da diferença de potencial elétrico na sua membrana, enquanto as demais células, as células da neuroglia (ou glia), sustentam-nos e podem participar da atividade neuronal ou da defesa. No SNC, essas células são os astrócitos, os oligodendrócitos, as células da micróglia e as célulasependimárias. No SNP, são as células-satélites e as células de Schwann. A matriz extracelular deve constituir 10 a 20% do volume do encéfalo.

No SNC, há uma segregação entre os corpos celulares dos neurônios e os seus prolongamentos, de modo que duas porções distintas sejam reconhecidas macroscopicamente: a substância cinzenta, onde se situam os corpos celulares dos neurônios e parte dos seus prolongamentos e as células da glia, e a substância branca, que contém somente os prolongamentos dos neurônios e as células da glia.

Os neurônios possuem um corpo celular (5 a 150mm) com o núcleo e outras organelas e do qual partem os prolongamentos, que são os dendritos e o axônio. A forma do corpo celular varia conforme a localização e a atividade funcional do neurônio, podendo ser piramidal, estrelada, fusiforme, piriforme ou esférica.

Existem três tipos de neurônio e cada um é responsável por uma função:

Neurônios sensoriais – Os neurônios sensoriais absorvem a informação sobre o que está acontecendo dentro e fora do corpo e levam essa informação para o SNC para que seja processada. Por exemplo, se você pegar uma panela muito quente, os neurônios sensoriais com terminações nas pontas dos dedos irão transmitir a informação de que está muito quente para o seu sistema nervoso central.

Neurônios motores – Os neurônios motores recebem informação de outros neurônios para transmitir comandos aos músculos, órgão e glândulas. Por exemplo, se você pegar uma panela muito quente, seus neurônios motores que inervam os músculos dos seus dedos farão com que sua mão solte a panela.


Interneurônios
– Os interneurônios, que são encontrados somente no SNC, conectam um neurônio a outro. Eles recebem informação de outros neurônios (neurônios sensoriais ou interneurônios) e transmitem esta informação para outros neurônios (neurônios motores ou interneurônios). Por exemplo, se você pegasse uma panela quente, o sinal dos neurônios sensoriais nas pontas dos dedos viajaria até os interneurônios em sua medula espinhal. Alguns destes interneurônios enviariam sinais para os neurônios motores que controlam os músculos dos dedos (fazendo com que você soltasse a panela), enquanto outros transmitiriam o sinal da medula espinhal até o cérebro, onde ele seria percebido como dor.

Gostou do nosso conteúdo e ficou interessado em saber mais? Continue acompanhando o conteúdo do portal e venha conhecer os nossos cursos voltados para a área da saúde.

Receba novidades dos seus temas favoritos

Se aprofunde mais no assunto!
Conheça os cursos na área da Biologia.

Mais artigos sobre o tema